Orgãos de Barbárie

Bem Vindo ao Fantástico Mundo dos Realejos

Realejos ou “Orgue de Barbárie” – únicos em Portugal

Para Eventos Comerciais e Feiras Medievais

 

Uma nova animação para, eventos, exposições, bibliotecas, museus, zonas turísticas, jardins, centros comerciais…Para eventos comerciais e feiras medievais.

Vamos recordar os tocadores de realejo ou “Orgue de Barbárie”, atracção nos anos vinte nas ruas de Lisboa e de Paris.

Ao “dar à manivela”, o seu mecanismo, de origem artesanal, reproduz o timbre de vários instrumentos e percussão.  Através do sistema de cartões perfurados temos ao dispor mais de 300 temas inesquecíveis de música clássica, temas internacionais e música portuguesa.

O Realejo, ou Órgão de Barbárie, é um instrumento móvel que reproduz música de forma mecânica, combinando aspectos técnicos do órgão tradicional, da mecânica e da relojoaria. Este instrumento secular teve a sua primeira aparição no século XVII e pelas suas características era tocado nos mais diversos espaços públicos. Estes instrumentos estão disponíveis com dimensões diversas (desde modelos mais pequenos a maiores), sempre construídos e decorados pelos melhores mestres artesãos. O tocador de realejo irá com guarda-roupa adaptado ao evento.

Apresentámos em Portugal, com grande sucesso, estes instrumentos nos mais diversos locais como – exposições de teatro, Fundação Calouste Gulbenkian, Bolsa de Turismo de Lisboa, animação em concertos de ópera (Teatro da Trindade – Lisboa), feiras de artesanato, congressos, banquetes, animação de rua, televisão, cinema.

Consulte-nos. Valores muito acessíveis. Orçamentos caso-a-caso.